Notícias

Bauer reclama da reclusão da região sul do plano energético

Paulo-Bauer-Foto-agencia-senadoPor Artur  Hugen

O senador Paulo Bauer (PSDB) reclamou da aprovação, pelo governo federal, do Plano Nacional Energético sem que as reivindicações dos estados do Sul, de garantir mais gás natural para a região, tenham sido incluídas. Paulo Bauer advertiu que a região corre o risco de sofrer desabastecimento de gás natural.

 

Por isso, as indústrias do sul reivindicaram ao Ministério de Minas e Energia medidas para evitar o desabastecimento, como a adaptação das plataformas de petróleo da região para aproveitamento do gás natural dos campos de petróleo. Também foi pedida a construção de terminais de regaseificação do gás natural liquefeito, que hoje só existem no Sudeste e no Nordeste. Sem o atedimento dessas dessas reivindicações, disse Paulo Bauer, a perspectiva é muito ruim para a Região Sul, pois significa que até 2022 o governo não vai fazer nenhum investimento para aumentar a oferta de gás natural para Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

 

– É simplesmente lamentável. O gás natural é hoje a principal fonte de energia para as indústrias do sul do país e a limitação de sua oferta certamente afetará a expansão econômica e a criação de empregos naquela região – alertou o senador. Paulo Bauer afirmou que o Brasil vem tendo problemas no setor de energia não só por causa da falta de chuvas, mas também por falta de investimentos para garantir mais energia ao país.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close