Política

Direito de porte de arma a cidadão será apreciado pela Comissão de Direitos Humanos do Senado

porte-de-arma

Por Mariana Nascimento

 

Com mais de 20 mil adesões, a ideia legislativa de iniciativa popular, apresentada no Portal e-Cidadania, que permite o cidadão devidamente qualificado o direito de portar arma, será apreciada pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa, do Senado Federal.

O autor sustenta que o “Estatuto do Desarmamento é totalmente contra o referendo” e que “desde a implantação desse estatuto, os maiores beneficiários são os bandidos, que obtém armas através das fronteiras e não em lojas sérias”.

Com um grande número de apoiadores, a postagem sobre o assunto, foi a mais curtida e compartilhada na rede social Facebook do e-Cidadania. A tramitação da matéria poderá ser acompanhada pelo Twitter (http://twitter.com/e_cidadania) e no Portal (http://www12.senado.gov.br/ecidadania/principalideia).

O Portal e-Cidadania é o espaço institucional online de participação política disponibilizado pelo Senado Federal para que o cidadão brasileiro possa colaborar de forma mais direta e efetiva com o processo de atuação parlamentar e legislativa do Senado. O “Ideias Legislativas” oferece ao cidadão a possibilidade de propor ideias de projetos legislativos ou a alterar as

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close