Variedades

É possível lavar os agrotóxicos dos alimentos?

agrotóxicos

Jéssica Maes para Agência São Joaquim Online

Se você se preocupa bastante em tirar todos os agrotóxicos de sua comida, nós temos uma boa e uma má notícia. A má notícia é que isso não é possível. A boa é que você não deve se preocupar tanto com isso. Se há qualquer resíduo de pesticida na parte de fora de seu alimento, a sua melhor aposta para remover o máximo possível é lavá-lo vigorosamente sob água corrente – não use sabão, ou você realmente pode adicionar produtos químicos no produto.

Se os agricultores estão usando um pesticida de acordo com os requisitos que constam na embalagem – que é o que eles são legalmente obrigados a fazer – então há algo chamado “intervalo de pré-colheita”.

“Um intervalo de pré-colheita é o período de tempo após um pesticida ser aplicado que o agricultor tem que esperar antes de colher a safra – e esse intervalo é especificado na etiqueta de cada pesticida”, explica Chris Gunter, pesquisador da Universidade Estadual da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, especialista em agricultura vegetal.

O objetivo é que os restos do pesticida sejam destruídos, lavados ou evaporados pela ação da luz solar, da água ou de outros fatores ambientais durante este período de tempo. Isto significa que qualquer resíduo de pesticida em cima (ou dentro) dos alimentos está dentro dos limites de tolerância estabelecidos pelos órgãos responsáveis para proteger a saúde humana.

“Com a melhoria da tecnologia e da metodologia, podemos agora detectar níveis mínimos de pesticidas. Mas ser capaz de detectar um pesticida não significa que isso é um problema de saúde pública”, afirma Gunter.

Outra razão para que você não possa lavar todos os traços de um pesticida é que alguns pesticidas são concebidos para serem incorporados à planta em si, absorvidos através da “pele” da planta ou através de suas raízes. Mas esses pesticidas também estão abrangidos pelos requisitos de intervalo de pré-colheita exigido.

“Contanto que os agricultores estejam seguindo a etiqueta, os pesticidas utilizados não representam um risco significativo para os consumidores”, diz o especialista.

Campanhas educacionais mostrando aos agricultores como utilizar o produto, portanto, são recomendadas para garantir que nenhum risco chegue até os consumidores e nem às próprias pessoas que manuseiam estes produtos. [Phys]

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close