Política

Luiz Henrique prevê um 2015 realizador para Santa Catarina

LHS

Artur Hugen para Agência São Joaquim Online

Sem descuidar dos interesses de Santa Catarina, o senador Luiz Henrique (PMDB-SC) entra na segunda parte do seu mandato de oito anos com a proposta de se aprofundar cada vez mais nos grandes temas nacionais, que levem as reais mudanças nas estruturas do Brasil.

Em 2014, Luiz Henrique venceu grandes batalhas na direção de um novo pacto federativo, com maior equilíbrio na redistribuição dos recursos para estados e municípios. Projetos como da mudança do indexador e da convalidação dos benefícios entre os estados, são apenas dois exemplos.

O senador fez um balanço de suas atividades legislativas, assim como uma pequena análise de como será o ano de 2015 para o Brasil e Santa Catarina.

– Foram vários assuntos e projetos importantes para o nosso estado e para todos, mas principalmente para Santa Catarina, afinal para e por os catarinenses é que estamos aqui, que tiveram minha interveniência direta – disse o senador.

Luiz Henrique elencou a emenda constitucional, que foi aprovada na Câmara dos Deputados e que estabelece novos critérios de compartilhamento do ICMS, através das vendas eletrônicas.

Luiz Henrique ainda destacou os últimos números divulgados na imprensa estadual e nacional que apontam se Santa Catarina com uma economia surpreendente, que cresce bem acima do que o país e a que mais emprega.

– Esses incentivos foram declarados inconstitucionais, e estão pendentes por uma súmula do Supremo. Nós conseguimos aprovar nosso texto na CAE e ainda hoje tivemos reunião com o ministro da Fazenda, Joaquim Levy.

No primeiro semestre do ano que vem devemos ultimar a votação dessa matéria. Também acabamos de aprovar no plenário projeto que cria o marco regulatório das terras raras – destacou.

Luiz Henrique ainda destacou os últimos números divulgados na imprensa estadual e nacional que apontam se Santa Catarina com uma economia surpreendente, que cresce bem acima do que o país e a que mais emprega.

– Esses incentivos foram declarados inconstitucionais, e estão pendentes por uma súmula do Supremo. Nós conseguimos aprovar nosso texto na CAE e ainda hoje tivemos reunião com o ministro da Fazenda, Joaquim Levy.

No primeiro semestre do ano que vem devemos ultimar a votação dessa matéria. Também acabamos de aprovar no plenário projeto que cria o marco regulatório das terras raras – destacou.

– A mudança do indexador também veio aliviar os cofres de Santa Catarina no pagamento da dívida para o governo federal. Fui relator da matéria na Comissão de Constituição e Justiça e na Comissão de Assuntos Econômicos, e em plenário, foi aprovada na Câmara e no Senado e foi à sanção presidencial. Outra matéria importante, que ainda não teve ultimada sua tramitação, mas que já avançamos muito, foi a convalidação dos inventivos fiscais, que nosso estado concedeu para atrair empresas como a BMW, Votorantim, GM e tantas outras, e que deram um grande impulso na economia catarinense – apontou.

Luiz Henrique ainda destacou os últimos números divulgados na imprensa estadual e nacional que apontam se Santa Catarina com uma economia surpreendente, que cresce bem acima do que o país e a que mais emprega.

– Esses incentivos foram declarados inconstitucionais, e estão pendentes por uma súmula do Supremo. Nós conseguimos aprovar nosso texto na CAE e tivemos reunião com o ministro da Fazenda, Joaquim Levy. No primeiro semestre do ano que vem devemos ultimar a votação dessa matéria. Também acabamos de aprovar no plenário projeto que cria o marco regulatório das terras raras – destacou.

Related Articles

1 thought on “Luiz Henrique prevê um 2015 realizador para Santa Catarina”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close