Agora

Luiz Henrique formaliza candidatura apoiado por lideranças de seis partidos

LHS

O senador Luiz Henrique (PMDB-SC) oficializou sua candidatura à Presidência do Senado na tarde desta sexta-feira (30), reunindo a imprensa e líderes de seis partidos: DEM, PP, PSOL, PSB, PSDB, PDT, além do PMDB.

– Esses partidos somados me dão a certeza absoluta e a convicção que nós colheremos uma vitória no próximo domingo. Será a vitória da mudança contra o continuísmo, será a vitória das reformas. O que me entusiasma é a possibilidade de fazer do Senado Federal, o grande protagonista dessas reformas – declarou Luiz Henrique.

O presidente do Senado é também o presidente do Congresso Nacional, e nessa condição, Luiz Henrique pretende ser o grande articulador das mudanças e da união entre a Câmara dos Deputados e do Senado, para com rapidez, eficiência e prazo, realizar as reformas necessárias para o desenvolvimento do Brasil. Luiz Henrique adiantou que terá um relacionamento transparente co o governo federal.

– Se for eleito e acredito que o serei, a primeira visita que farei é para a presidência da República, para lhe dizer que a minha presidência não é subserviente e muito menos antagônica. A minha candidatura é apoiada pelos partidos da base do governo e da oposição e é uma candidatura da instituição – disse.

O PT que até à tarde dessa sexta-feira não tinha definido sua posição, também foi citado pelo senador.  – Reservaremos a primeira vice-presidência ao PT, portanto, cumpriremos mais que possível o princípio da proporcionalidade. Os partidos que deverão me indicar os componentes da chapa – enfatizou.

O senador lembrou que há 45 anos um mesmo grupo se eterniza na direção dessa Casa, com os mesmos relatores e presidentes.

Lembrou também sua trajetória política. Muito aplaudido, finalizou falando de seu maior patrimônio, o mesmo que o leva para mais essa disputa.

– De onde eu venho? Eu sei de onde eu venho e sei para onde eu quero ir.  Eu venho da voz das ruas que quer mudanças, e venho de uma luta política de mais de 45 anos em mandatos sucessivos quer eu exerço desde 1970. Com minha conduta e personalidade, com minhas propostas, minha lealdade, minha voz: é com esse patrimônio que eu vou aos meus colegas senadores pleitear a presidência dessa Casa”, finalizou.

Estiveram presentes no gabinete do senador, os senadores: Waldemir Moka (PMDB-MS), Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), Ana Amélia (PP-RS), João Capiberibe (PSB-AP), Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), José Agripino (DEM-RN), Cristovam Buarque (PDT-DF), Ricardo Ferraço (PMDB-ES), e Benedito de Lira (PP-AL), Dário Berger (PMDB-SC) e Ronaldo Caiado (DEM-GO).

Após coletiva à imprensa, o senador Luiz Henrique, acompanhado das lideranças que o apoiam, comunicou oficialmente ao líder do PMDB, Eunício de Oliveira, que apresentará sua candidatura ao plenário.

 

Texto: Letícia Schlindwein

Foto:Artur Hugen/Divulgação

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close