Produtores do São João do Pelotas lamentam por prejuízos mecânicos na maçã durante o transporte

por São Joaquim Online 1

Produtores de maçã da localidade de São João do Pelotas amargam prejuízos no setor, calculado em torno de 10%, exatamente por prejuízos mecânicos ocasionados durante o transporte da fruta nas precárias estradas da localidade.

Segundo os produtores existem trechos em que a demora para transitar em um trecho de 10km tem sido superior a 50 minutos para que a carga de maçã não tenha maiores danos do que a escala assimilada de 10% de danos mecânicos que é quando um fruto bate ou esmaga o outro devido a trepidez da estrada.

Ainda de acordo com a informação deles o pior trecho para ser traspassado é da sublocalidade conhecida vulgarmente como Garrãozinho (próximo ao Rio Pelotas) até a sublocalidade de Amarelo. Em suma preponderação este trecho tem sido o algoz para 10% da safra retirada de lá.

Em contato com o Secretário de Obras do Município Olavo Costa, fomos informados de que as o trecho está reconhecidamente em precárias condições de trânsito, mas que uma ação nas próximas semana será efetuada pela prefeitura de São Joaquim no intuito de amenizar os danos sofrido pelos produtores.

-“Agora as máquinas se concentrarão no na cidade para a manutenção de ruas e bairros e na semana do dia 24 de Abril as máquinas deverão atender a comunidade de São João do Pelotas, já está no cronograma de obras. Aquele trecho realmente está terrível, péssimo para trafegar, mas atenderemos a comunidade logo” reconheceu o secretário Olavo Costa.

Comentários (1)

  1. nas próximas semanas a safra já acabou e nada foi feito, esse serviço teria que ser feito bem antes já que a localidade e nao (sublocalidade) de sao joão do pelotas, começa sua colheita quase 30 dias antes dos outros locais.

Deixe uma resposta