Epagri de São Joaquim realizou 1ª Reunião Técnica sobre goiabeira serrana

por Fabiana Legnaghi 85 views0

Neste dia 05 de abril aconteceu na Estação Experimental da Epagri em São Joaquim (EESJ), a 1a Reunião Técnica sobre goiabeira serrana. Estiveram presentes aproximadamente 90 participantes entre técnicos, produtores e estudantes da região serrana de Santa Catarina e do estado do Rio grande do Sul. O evento, que teve apoio do Cetrejo (Centro de Treinamento), do Sindicato Rural de São Joaquim/ Faesc, da Sanjo (Sanjo Cooperativa Agrícola de São Joaquim), Cresol (Cooperativa de Crédito Rural com Interação solidária de São Joaquim) e Funbio (Fundação Brasileira para a Biodiversidade), teve por objetivo principal apresentar resultados de pesquisa desenvolvidos pela EESJ e Instituições parceiras deste evento, como a UFSC e CAV-UDESC, e promover a integração entre interessados pela cultura. Além disso, foram discutidas possíveis ações para avançar no conhecimento sobre o manejo cultural, de maneira a estimular o incremento de áreas cultivadas com esta espécie.

A programação envolveu palestras proferidas pelos pesquisadores da EESJ, os quais destacaram o manejo da cultura (calagem, adubação, controle de pragas e doenças) e os avanços da pesquisa até o momento. Professores da UFSC (Curitibanos e Florianópolis) e CAV (UDESC) apresentaram informações sobre as cultivares disponíveis ao plantio bem como experiência com a cultura em outros países (Nova Zelândia, Colômbia e EUA), destacando também a potencialidade de uso da espécie aqui no Brasil e no mundo. Após as enriquecedoras discussões, os participantes puderam conhecer e degustar os frutos de quatro cultivares, bem como diversos subprodutos a base de goiaba serrana (geleias, tortas, bolos, etc). Por fim, os participantes foram convidados a visitar o campo experimental da Epagri onde são realizados diversos experimentos, na ocasião foram apresentados resultados dos trabalhos de poda e condução.

A goiabeira serrana é fruta nativa da região Sul do Brasil, possui um potencial importante como fonte de renda ao produtor e o conhecimento tecnológico para manejo da cultura já está sendo gerado e precisa ser divulgado.

Em outros países, onde a fruta foi introduzida, já existe comercialização e até exportação dos frutos e de seus subprodutos. Portanto, este é um importante momento para unir forças e conhecimentos, fortalecer parcerias efetivas de trabalho e ampliar a difusão e produção da goiabeira serrana, especialmente nesta região onde seu desenvolvimento é muito propício.

Comissão Organizadora da 1ª Reunião Técnica sobre goiabeira serrana

Palestra Proferidas durante o evento

Visita ao campo experimental da EESJ

Apresentação dos produtos elaborados a base de goiaba serrana

 

Deixe uma resposta