PREVISÃO DO TEMPO PARA OS DIAS 29 e 30 DE JANEIRO DE 2021

PREVISÃO DO TEMPO PARA OS DIAS 29 e 30 DE JANEIRO DE 2021

https://www.meteorologistapiterscheuer.com/previsao-do-tempo

https://www.youtube.com/channel/UCGXu6BQZDlJhj99-wFroUEA/featured (AGROMETEORLOGIA)

https://www.youtube.com/channel/UCGEnQh_FXX9Qny0BqmUbZ2g (METEOROLOGIA)

 

ABAIXO A PREVISÃO AGROMETEOROLÓGICA.

SEXTA-FEIRA

Uma área de baixa pressão aliado a uma frente fria, proporciona muitas nuvens com chuva ocasional com eventuais……………https://www.meteorologistapiterscheuer.com/previsao-do-tempo

Temperatura alta em todo estado e abafado. Mínimas entre 13/16°C (maior parte de SC entre 18/23°C) em alguns pontos de baixadas e vales do Topo da Serra (região de São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Urubici, Painel e Urupema) e 15/18°C em alguns pontos entre os Campos de Palmas a região de Fraiburgo/Curitibanos. Máximas oscilando entre 33/36°C (maior parte de SC entre 25/30°C) em pontos do Litoral e Baixo Vale do Itajaí.

►Condições favoráveis às atividades ao ar livre: mais favorável de manhã, tendo algum risco mais entre o Oeste ao Centro e Planaltos. Ainda arriscado para silagem na maior parte de SC. Muita atenção com o manejo das máquinas no campo evitando acidentes. Nas áreas de arroz melhora um pouco para tratamento e colheita, ainda com risco. Bom para quem precisa fazer adubação de cobertura, podendo ser fracionada (tem chance de pancadas fortes pontuais).  Fazer um pente fino no terreno e retirar qualquer objeto que possa acumular água, combatendo o mosquito da dengue.

► fechando a janela para o replantio ou plantio da safra de verão em SC nas áreas acima dos 500/700 m e algum risco até meados de fevereiro nas outras áreas. Para milho silagem até meados de fevereiro ainda é possível, mais arriscado nas áreas acima dos 500/600 m devido ao risco de frio mais forte em abril/maio. Teremos o risco de frio cedo e chuva irregular mais à frente.  Muita umidade nesta semana, extremamente favorável a doenças por fungos e bactérias em hortas, lavouras e frutas (especialmente as podridões), na fruticultura a mosca da fruta terá ótimas condições, semana que vem também (1 a 4 pelo menos tanto para pragas como doenças).

► Dezembro; no geral foi bom em SC, até com excesso de chuva em vários pontos do estado, porém a estiagem não acabou e apenas está “dormindo”. A estiagem pode retornar ao longo de fevereiro em diante. Além do frio chegar mais cedo em 2021. Acompanhar bem a previsão do tempo nas rádios (Coutinho/Piter).

Nas fruteiras de clima temperado como uva, pera e maçã, teremos dias um pouco melhores para tratamentos, mais no período da manhã onde a chance de chuva será bem baixo e maior risco de tarde/noite desta sexta ao começo da próxima semana. Maior risco para os de longa duração (dia todo). Quem precisa fazer feno terá alguma chance entre no fim de semana, com risco e mais de manhã/começo da tarde se der.

► Na safrinha e safra de inverno teremos problemas com irregularidade na chuva (estiagem) e frio chegando cedo com risco de geada já em abril em algumas áreas de produção acima dos 500/700 m (mais nas baixadas e fundo de vale)

 No plantio do milho/feijão nas áreas acima dos 1000/1200 m ainda terá algum risco de frio forte em alguns dias durante o verão nas baixadas e fundo de vales (facilita a doenças de frio, mais no feijão e soja e o risco mínima de geada bem isolada. Em outras regiões onde o calendário ainda é favorável estará bom para o plantio ou replantio até fins de janeiro, depois fica muito arriscado para milho (grão duro), soja e feijão, sendo até meados de fevereiro (abaixo dos 600/500 m para feijão, com risco) fevereiro (abaixo dos 600/500 m para feijão, com risco)

 No plantio do milho/feijão nas áreas acima dos 1000/1200 m ainda terá algum risco de frio forte em alguns dias durante o verão nas baixadas e fundo de vales (facilita a doenças de frio, mais no feijão e soja e o risco mínima de geada bem isolada. Em outras regiões onde o calendário ainda é favorável estará bom para o plantio ou replantio até fins de janeiro, depois fica muito arriscado para milho (grão duro), soja e feijão, sendo até meados de fevereiro (abaixo dos 600/500 m para feijão, com risco) fevereiro (abaixo dos 600/500 m para feijão, com risco).

 

SÁBADO

Uma massa de ar quente e úmida, atua sobre a região Sul do Brasil favorecendo um dia…………...https://www.meteorologistapiterscheuer.com/previsao-do-tempo

Temperatura alta em todo estado e abafado. Mínimas entre 12/15°C (maior parte de SC entre 17/22°C) em alguns pontos de baixadas e vales do Topo da Serra (região de São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Urubici, Painel e Urupema) e 14/17°C em alguns pontos entre os Campos de Palmas a região de Fraiburgo/Curitibanos. Máximas oscilando entre 33/36°C (maior parte de SC entre 27/32°C) em pontos do Litoral e Baixo Vale do Itajaí.

►Condições favoráveis às atividades ao ar livre: mais favorável de manhã/começo da tarde com pequeno risco pontual. Ainda arriscado para silagem na maior parte de SC, sendo melhor de manhã. Muita atenção com o manejo das máquinas no campo evitando acidentes. Nas áreas de arroz melhora um pouco para tratamento e colheita e mais de manhã ao começo da tarde, ainda com risco. Bom para quem precisa fazer adubação de cobertura, podendo ser fracionada (tem chance de pancadas fortes pontuais).  Fazer um pente fino no terreno e retirar qualquer objeto que possa acumular água, combatendo o mosquito da dengue.

► fechando a janela para o replantio ou plantio da safra de verão em SC nas áreas acima dos 500/700 m e algum risco até meados de fevereiro nas outras áreas. Para milho silagem até meados de fevereiro ainda é possível, mais arriscado nas áreas acima dos 500/600 m devido ao risco de frio mais forte em abril/maio. Teremos o risco de frio cedo e chuva irregular mais à frente.  Muita umidade nesta semana, extremamente favorável a doenças por fungos e bactérias em hortas, lavouras e frutas (especialmente as podridões), na fruticultura a mosca da fruta terá ótimas condições, semana que vem também (1 a 4 pelo menos tanto para pragas como doenças).

► Dezembro; no geral foi bom em SC, até com excesso de chuva em vários pontos do estado, porém a estiagem não acabou e apenas está “dormindo”. A estiagem pode retornar ao longo de fevereiro em diante. Além do frio chegar mais cedo em 2021. Acompanhar bem a previsão do tempo nas rádios (Coutinho/Piter).

Nas fruteiras de clima temperado como uva, pera e maçã, teremos dias um pouco melhores para tratamentos, mais no período da manhã onde a chance de chuva será bem baixo e maior risco de tarde/noite deste sábado ao começo da próxima semana. Maior risco para os de longa duração (dia todo). Quem precisa fazer feno terá alguma chance entre no fim de semana, com risco e mais de manhã/começo da tarde se der.

► Na safrinha e safra de inverno teremos problemas com irregularidade na chuva (estiagem) e frio chegando cedo com risco de geada já em abril em algumas áreas de produção acima dos 500/700 m (mais nas baixadas e fundo de vale)

 No plantio do milho/feijão nas áreas acima dos 1000/1200 m ainda terá algum risco de frio forte em alguns dias durante o verão nas baixadas e fundo de vales (facilita a doenças de frio, mais no feijão e soja e o risco mínima de geada bem isolada. Em outras regiões onde o calendário ainda é favorável estará bom para o plantio ou replantio até fins de janeiro, depois fica muito arriscado para milho (grão duro), soja e feijão, sendo até meados de fevereiro (abaixo dos 600/500 m para feijão, com risco) fevereiro (abaixo dos 600/500 m para feijão, com risco).

Litoral Sul: Criciúma, Tubarão, Urussanga, Araranguá.

*Nordeste: (Planalto Norte, Vale do Itajaí e Litoral Norte): Mafra, Rio do Sul, Joinville, Itajaí.

Litoral Central ou Grande Fpolis; Florianópolis.

**Faixa Leste; Leste do Planalto Norte, Médio e Baixo Vale do Itajaí, Grande Fpolis, Borda da Serra Geral e Litoral; Blumenau, Rio Negrinho, Joinville, Itajaí, Floripa, Criciúma.

Planalto Sul: Lages, Campos Novos, S.Joaquim, B.Retiro.

Meio Oeste/Centro: Fraiburgo, Curitibanos, Lebon Régis, Videira, Caçador, Joaçaba.

Oeste: Chapecó, Concórdia, Xanxerê, Ponte Serrada, Irani.

Extremo Oeste: São Miguel do Oeste, Itapiranga, Maravilha.

 

Geadas (dias) em 2021/Topo da Serra/SC

1 Janeiro

0 Fevereiro

0 março

0 abril

0 maio

0 junho

0 julho

0 agosto

0 setembro

0 outubro

0 novembro

0 dezembro

 

2021; 1 dia/geada e 0 dias com marcas negativas em SC.

 

0 DIAS COM NEVE E 0 DIA COM SINCELO

Curiosidade; dias com geada.

135 dias /2016

124 dias/2020

123 dias/2010

120 dias/2017

106 dias/2018 (todos os meses com geada).

 

DADOS DE SC, 28/1/2021

5 MENORES E MAIORES DE SC

MÍNIMA

14,3 B.JARDIM/M.IGREJA/INMET

15,1 URUPEMA/EPAGRI

15,6 S.JOAQUIM/G.HUGEN

15,7 URUBICI/EPAGRI

16,5 GARUVA/SERRA/DSOARES

 

MÁXIMA

32,7°C JOINVILLE/EPAGRI

32,5°C MASSARANDUBA/EPAGRI

32,1°C GARUVA/EPAGRI

31,4°C CAMBORIÚ/EPAGRI

31,3°C SCHROEDER/EPAGRI

 

MÍNIMA/SC; 14,3°C/ 22,1°C B.JARDIM/M.IGREJA/INMET

MÁXIMA/SC; 32,7°C/ 22,6°C JOINVILLE/EPAGRI

 

28/1/2021

CAPITAL/INMET HOJE; 23,6°C/ 28,3°C

CAPITAL/EPAGRI HOJE; 23,3°C/ 29,5°C

CAPITAL/NORTE DA ILHA/EPAGRI; 22,7°C/ 31,0°C

SANTO ANTÔNIO/CACHOEIRA/PARTICULAR; 22,5°C/ 30,4°C

RATONES/CHEIRO VERDE; –°C/ –°C

FLORIANÓPOLIS/SERTÃO DO RIBEIRÃO/TOMÁS W. RUAS; 23,1°C/ 26,1°C

MAFRA/EPAGRI; 18,3°C/ 27,4°C

CHAPECÓ/INMET; 20,3°C/ 26,8°C

S.JOAQUIM/CLIMATERRA; 16,5°C/ 23,0°C

S.JOAQUIM/A MÍN. MAIS BAIXA; 15,6°C/23,2°C/BOAVA/G.HUGEN

 

OBS;

EM 2016; 135 DIAS (RECORDE) COM GEADA NO TOPO DA SERRA (85 DIAS SÓ NO PÁTIO DA CLIMATERRA), 8 DIAS COM NEVE E 7 COM SINCELO.  TEVE 68 DIAS COM MÍNIMAS NEGATIVAS NO TOPO DA SERRA E 70 DIAS EM SC. NA CLIMATERRA TIVEMOS 25 DIAS COM MÍNIMA NEGATIVA, RECORDE ERA EM 2013/2000 COM 22 DIAS.

2020 COM 78 DIAS COM MIN. NEGATIVAS.

2021 COM 0 DIAS COM MIN. NEGATIVAS.

 

SÃO JOAQUIM;

NA SEXTA-FEIRA

NASCER DO SOL; 05h: 49

PÔR DO SOL; 19h: 17

 

http://twitter.com/climaterra

http://estacoes.forcontrol.com.br/ (temperatura em diversas cidades do Brasil)

https://www.facebook.com/pages/Climaterra-Meteorologia-e-Agronomia/619930311412125 

► Piter Scheuer – Meteorologista – CREA/SC 154169-9

► Ronaldo Coutinho – Engenheiro Agrônomo – CREA/SC nº 26.681-3

►CLIMATERRA

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.