in

Saúde- As doenças alérgicas e o frio

As doenças respiratórias no inverno se tornam muito frequentes.Para entender melhor sobre as doenças respiratórias e como evitá-las, confira a matéria com a Doutora Raisa Ulaf (Especialista em Clínica Médica Alergia e Imunologia Clínica em formação pela UNICAMP) que fará lives aqui na página para esclarecer duvidas sobre as doenças respiratórias mais freqüentes no inverno, já que na região serrana o clima é propicio para alguns problemas respiratórios.

                                          As doenças alérgicas e o frio

As alergias respiratórias (rinite, asma) tendem a exacerbar durante os meses frios do ano, mais ainda em regiões do sul do país. A chegada do outono e do inverno traz consigo mudanças de hábitos que podem ser prejudiciais à esses pacientes. Além da queda da temperatura, os ambientes fechados e a piora da qualidade do ar são fatores diretamente ligados com as crises.
Mas o que as pessoas com alergia podem fazer para minimizar as chances de piora neste período?
Aí vão algumas dicas:
1- Tirar roupas de lã e cobertores do armário. O vestuário de inverno costuma ficar guardado por um longo período e isso propicia a proliferação de ácaros, fungos e outros alérgenos.
2- Lavar as roupas que estavam guardadas antes de usá-las. Utilizar alguma substância fungicida como Fungicil na água para enxágue, deixar a roupa secar ao sol e passar com ferro quente são medidas que auxiliam na higienização.
3- O quarto deve ser sempre limpo com pano úmido. Evitar aspiradores e espanadores que pulverizam e disseminam a poeira.
4- Os colchões e travesseiros precisam conter capas anti-ácaros e as cobertas não podem ser felpudas. As melhores opções são os edredons.
5- Preferir persianas a cortinas. O acúmulo de poeira tende a ser menor.

Lembre-se sempre de consultar um médico especialista para ajudar na correta investigação diagnóstica e tratamento!

Dra Raisa Ulaf
– Especialista em Clínica Médica
– Alergia e Imunologia Clínica em formação pela UNICAMP

@draisaulaf

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Caçamba carregada de brita tomba no mirante de Urubici

Pedofilia: A História de Larissa