Seminário sobre turismo mobiliza mais de 120 pessoas em Urupema

Na sua segunda edição aconteceu nesta quarta-feira (20), no Instituto Federal de Santa Catarina campus de Urupema, o Seminário Sobre Turismo Rural na Agricultura Familiar da Serra Catarinense. Promovido pela Epagri em parceria com Sistema Amures, Ifsc, Associação Amigos do Meio Ambiente, Universidade de Passo Fundo e a prefeitura, o evento mobilizou mais de 120 participantes de vários municípios da Serra Catarinense.

Concebido como uma oportunidade de qualificação e renda às famílias do meio rural, o seminário de turismo buscou contribuir com o fortalecimento da agricultura familiar, com assistência técnica enfocada na atividade das propriedades. De acordo com a coordenadora do evento a extesionista social da Epagri Maria Regina Ribeiro, cada município envolvido no projeto trabalha de acordo com sua vocação turística, seus aspectos econômicos, socioculturais e ambientais, tendo com o foco o desenvolvimento das comunidades.

O prefeito Evandro Frigo Pereira agradeceu a Epagri por ter escolhido Urupema para sediar o seminário. Também prestigiaram a abertura, o gerente regional da Epagri de São Joaquim Marlon Francisco Couto, diretor do Ifsc de Urupema Marcos Roberto Stroschein, vice-prefeita de Urupema Cristiane Muniz Pagani Almeida e o secretário de Turismo de Urupema, Antenor Pinto Arruda de Neto – Tena”.

A assessora de turismo da Amures Ana Vieira fez a palestra de abertura falando sobre Desenvolvimento do Turismo na Serra Catarinense. A coordenadora pedagógica do Ifsc, Camila Espíndola apresentou o projeto de Extensão pelas Trilhas Contos e Sabores de Urupema. O seminário se estendeu até final da tarde com visitação a diversos pontos turísticos de Urupema, café colonial e apresentação de trabalho de atrativo gastronômico.

No final do seminário, os organizadores definiam o município de Bom Jardim da Serra para a terceira edição do evento em 2020. O seminário proporcionou aos participantes apresentar suas histórias, discutir assuntos de interesse coletivo, trocar experiências e levar o entendimento de que o turismo rural é uma importante alternativa de renda nas pequenas propriedades da Serra Catarinense.

Por Maria Regina Ribeiro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.