Nostalgia: pousada recria a vila do Chaves em SC

Divulgação

O proprietário, Thiago Nascimento, 37, era fã do programa nos anos 90. Inaugurado há duas semanas, o ‘cenário’ já se popularizou e está atraindo atenção de diversas cidades do Brasil.

“Não contavam com minha astúcia!”

 Quem foi criança nos anos 80 ou até em 2020 deve conhecer esse bordão, do famoso personagem interpretado por Roberto Bolaños no programa “Chaves”, exibido pelo SBT por 36 anos. Em Santa Catarina, os fãs do menino que se escondia num barril poderão sentir um gostinho do programa de novo, pois há cerca de duas semanas, a Pousada Recanto La Ballena, na Praia da Gamboa, em Garopaba, recriou a vila que marcou a memória de muitos.

O servidor público de Florianópolis, Thiago Nascimento, 37, foi o fundador da pousada, que existe há dois anos, e quem teve a ideia de recriar o espaço. “É a nossa terceira temporada em Garopaba. A temática da pousada é a cultura mexicana, onde iniciou tudo isso. Depois de uma extensa pesquisa de decoração, foi a garagem que se transformou na vila do Chaves”, conta ele.

Thiago sempre foi fã do programa, desde 1996, quando voltava do colégio e gostava bastante de assistir. “Há dois anos quando buscava pesquisa de decoração, um dos itens que encontrei foram os bonecos do Chaves e do Quico em resina”, conta ele, que em seguida os comprou. “Até que em janeiro de 2021 eu peguei a trena para ver se encaixava na proporção da vila e fiz uns ajustes. Fui atrás dos materiais, tudo foi feito de forma artesanal”. O botijão de gás da vila, por exemplo, é um modelo exclusivo do México, então ele cortou peças daqui, juntou dali, até dar certo. Foram quase sete meses até a finalização do trabalho minucioso.

Futuramente quartos recriarão as casas de personagens

O proprietário da pousada é formado em administração, com especialização de marketing, mas sempre teve uma mão para o artesanato. Uma das casas da vila, de n º8, será recriada para os hóspedes, assim como, futuramente, a casa do Seu Madruga. “Por enquanto é um cenário ilustrativo. Segundo alguns episódios do programa, o Chaves não morava no barril, apenas se escondia ali. Sua casa era a de nº 8, em homenagem ao canal 8 da Televisa, onde era exibido. Esse quarto nunca foi mostrado, mas vamos criar”, conta ele. Já a casa da Bruxa do 71 virou um mini museu de brinquedos na pousada, com 150 itens dos anos 60 até o final dos anos 90. “É um ambiente bem familiar”, descreve ele.

Quando começou a vila, Thiago pensou que seria apenas um encantamento para os hóspedes. Mas teve uma repercussão enorme, com quatro visitas marcadas só neste domingo, 14. Diante disso, ele está organizando como será feita a visitação. “Acho que abrirei para as pessoas verem no último domingo de cada mês, pois meu foco ainda são as hospedagens. As pessoas estão ligando muito, é fora do comum. Geralmente recebo pessoal do Rio Grande do Sul e Curitiba, mas estão me ligando de Laguna, Imbituba, Florianópolis, entre outras cidades”.

Para quem deseja se hospedar, a pousada conta com seis apartamentos: três para casal e três para família. Mais informações no Whatsapp: (48) 9108-2850.

Com informações do site HC Notícias

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.