Kit Antena de TV será entregue para os inscritos no programa CadÚnico

Divulgação

Atenção, brasileiros! Quem está inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) poderá receber o Kit Antena de TV. Dessa forma, os usuários que utilizam antenas parabólicas (TVRO) para sintonizar canais de TV, receberão, gratuitamente, o material.

A princípio, a ideia é que os kits de recepção garantam a mais moderna tecnologia para compressão de vídeo e áudio, garantindo mais qualidade de imagem e som.

Atualmente, aproximadamente 20 milhões de famílias no país acompanham o sinal aberto e gratuito via satélite na Banda C, que deverá migrar para a Banda Ku com o objetivo de evitar interferências na faixa de 3,5 GHz, reservada para o 5G que começa a operar nas 27 capitais brasileiras a partir do mês de julho.

Do total de famílias que acompanha o sinal de TV aberta, estima-se que cerca de 10,5 milhões estejam inscritas no Cadastro Único.

Kit antena para inscritos do CadÚnico

Antes de mais nada, a decisão do Grupo de Acompanhamento da Implantação das Soluções para os Problemas de Interferência na faixa de 3.625 a 3.700 MHz (Gaispi), criado após o leilão do 5G, indicou o formato H.265 como especificação para os conjuntos que serão distribuídos à população de baixa renda.

Ademais, é importante destacar que a migração da Banda C para a Banda Ku vai ocorrer para liberar a faixa para o 5G e permitir o cumprimento do cronograma estabelecido no edital, em que a banda larga móvel inicia sua operação nessa faixa a partir do próximo dia 30 de junho. O benefício será distribuído nas capitais e o Distrito Federal.

No próximo ano, em 2023, será dada a largada do benefício para locais com mais de 500 mil habitantes e assim por diante, até finalizar o cronograma no ano de 2026.

Vale destacar que o kit gratuito será distribuído para as famílias do Cadastro Único com renda mensal de até três salários mínimos.

Ainda mais, é importante destacar que a liberação dos kits deve começar de forma gradual, à medida que os novos recursos vão sendo usados para garantir que as pessoas que utilizam a televisão via satélite, ao ar livre, não fiquem sem a transmissão de sinal.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.