Governo exclui presos das prioridades para vacinação contra a covid-19

Imagem: WIN-Initiative/Neleman/Getty Images

O Ministério da Saúde excluiu a população carcerária dos grupos prioritários previstos no plano preliminar para a vacinação contra a covid-19 no país. Os presos integravam a fase 4, depois de profissionais de saúde, idosos e professores, mas já não aparecem na lista divulgada hoje pela pasta.

O cronograma completo deve ser apresentado “em breve” à população, segundo o governo federal. O documento, recebido hoje pelo ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, ainda passará por uma revisão técnica final antes de ser enviado ao STF (Supremo Tribunal Federal).

O Ministério da Saúde excluiu a população carcerária dos grupos prioritários previstos no plano preliminar para a vacinação contra a covid-19 no país. Os presos integravam a fase 4, depois de profissionais de saúde, idosos e professores, mas já não aparecem na lista divulgada hoje pela pasta.

O cronograma completo deve ser apresentado “em breve” à população, segundo o governo federal. O documento, recebido hoje pelo ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, ainda passará por uma revisão técnica final antes de ser enviado ao STF (Supremo Tribunal Federal).

Fonte Uol

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.