Inverno de 2021 fez São Joaquim e a Serra Catarinense terem a maior divulgação mundial de sua história

O Inverno de 2021 fez com que São Joaquim e a Serra Catarinense tivessem a maior repercussão mundial de sua história, sendo divulgada nos jornais da grande mídia mundial através da onda de frio, da neve e de imagens que circularam pelos quatro cantos do mundo.

A Serra Catarinense e São Joaquim foram em diversas reportagem do The Washington Post um dos mais importantes jornais norte americanos, é realmente muito difícil um importantíssimo jornal americano mostrar tantas vezes um local do sul do Brasil, com tanto ênfase assim 🙌❄️


O mega portal americano Yahoo que é uma subsidiária integral da Verizon ( É a maior operadora de telemóveis nos Estados Unidos) fez total questão de ressaltar as imagens que circularam o mundo sobre o grande acontecimento no sul do Brasil


O jornal Britânico The Independent um dos maiores da Europa evidenciou as imagens das árvores congeladas e a temperatura de -6ºC no centro de São Joaquim na Serra Catarinense.


A Agência de Clima de Nova York AccuWheater fez questão de compartilhar as imagens e a produção feita pelo Fotógrafo de São Joaquim Mycchel Legnaghi e Dionata Costa


O mesmo fez o The Times o jornal britânico nacional com sede em Londres, mostrando as árvores congeladas sob a ótica do fotógrafo do gelo na Serra Catarinense.


O Gizmodo, de Nova York, o maior canal de tecnologia, ciência e curiosidades do mundo destacou as as 6 imagens surreais mostrando rara queda de neve no Brasil tropical.


O Jornal de maior circulação nos Estados Unidos o USA TODAY manchetou a Snowstorm, a tempestade de neve no sul do Brasil com as imagens escolhidas para circular o mundo.


O Meteo Giornale da itália CRAVOU: “BRASIL, um país de gelo e neve nunca visto na memória – 2021 será um dos maiores eventos de neve e geada em um século“. Mostrando as árvores congeladas e a temperatura de -6 ºC no centro de São Joaquim na maior exposição midiática da Serra Catarinense no MUNDO…

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.