PREVISÃO DO TEMPO, 10 A 14 DE MARÇO DE 2015.

PREVISÃO DO TEMPO, 10 A 14 DE MARÇO DE 2015.



TERÇA-FEIRA; Baixa pressão (subtropical ou tropical) ganhando força em frente ao litoral de SC. Nublado com períodos de chuva e possível trovoada, intervalos melhoria (maiores e com aberturas de sol do centro ao nordeste de SC), do centro ao litoral de SC, mais instável entre o leste do topo da serra, litoral sul e parte da Grande Fpolis. Do centro ao oeste entre nublado a sol e nuvens com chance de trovoada ou pancada de chuva bem isolada de tarde/noite. Risco de chuva forte da capital ao litoral sul, volumes médios acima dos 50/80 mm acumulados, risco de pontuais acima dos 100/150 mm. Muita atenção a cheia relâmpago em rios de montanha e deslizamentos, mais entre a Grande Fpolis ao sul.

Temperatura mais alta no oeste. Mínimas 16/22°C na maior parte do Estado, entre 19/23°C no litoral e boa parte do vale do Itajaí e entre 11/14°C no topo da serra e campos de palmas, máximas entre 24/29°C maior parte SC, 17/20°C no topo da serra/+ de 1200 m e 30/33°C em algumas cidades do extremo-oeste e, menor chance, baixo vale do Itajaí/litoral norte.

 

 

Temperatura em algumas cidades/SC.

 

 

Chapecó; 17/19°C a 27/29°C.

Itapiranga; 19/21°C a 31/33°C.

Fraibugo; 14/16°C a 22/24°C.

S.Joaquim; 12/14°C a 17/19°C.

Urupema; 11/13°C a 19/21°C.

Bom Jardim; 12/14°C a 16/18°C.

Lages; 13/15°C a 22/24°C.

Campo Novos; 14/16°C a 23/25°C.

Mafra; 15/17°C a 24/26°C.

Itaiópolis; 14/16°C a 22/24°C .

Ituporanga; 16/18°C a 28/30°C.

Rio do Sul; 17/19°C a 29/31°C.

Blumenau; 20/22°C a 31/33°C.

Joinville; 20/22°C a 30/32°C.

Itajaí; 21/23°C a 28/30°C.

Jaraguá do Sul; 20/22°C a 30/32°C.

Florianópolis; 20/22°C a 27/29°C.

Rancho Queimado; 15/17°C a 24/26°C.

Criciúma; 19/21°C a 25/27°C.

Araranguá; 19/21°C a 24/26°C.

Jacinto Machado; 19/21°C a 24/26°C

 

 

Vento de sudoeste a sul/sudeste no litoral sul, rajadas ocasionais acima dos 35/55 km, sudoeste a sul da capital ao norte com rajadas ocasionais acima dos 40/60 km. Sudeste a sudoeste/sudeste no interior com rajadas ocasionais acima dos 25/45 Km ( 30/50 km no topo da serra). Mar ficando bem agitado (ondas acima dos 2/3 m no alto mar). Regular a ruim para a navegação. Regulara ruim nas atividades ao ar livre nos pomares e lavouras das principais áreas de produção, mais na parte de tratamento e colheita. Ruim no litoral centro-sul.

QUARTA-FEIRA; forte baixa pressão tropical ou subtropical em frente ao litoral sul de SC. Nublado com chuva e possível trovoada entre o leste do topo da serra, litoral sul e Grande Fpolis com períodos de melhoria, maiores na capital e arredores, nas demais áreas entre nublado a aberturas de sol e poucas nuvens com alguma chance de chuva isolada, mais de tarde ou noite com trovoada isolada, maior parte passa sem chuva. Risco de chuva forte da Grande Fpolis ao litoral sul de SC e borda da serra geral (risco de valores pontuais acima dos 100/150 mm no litoral sul, menor chance no sul da Grande Fpolis). Muita atenção a cheia relâmpago em rios de montanha e deslizamentos, mais entre a Grande Fpolis ao sul.

 

Temperatura mais alta no oeste e litoral norte. Mínimas 14/19°C na maior parte do Estado, entre 17/22°C no litoral e boa parte do vale do Itajaí e entre 11/13°C no topo da serra, centro, oeste do planalto norte aos campos de palmas, máximas entre 23/28°C maior parte SC, 16/19°C no topo da serra/+ de 1200 m e 31/34°C em algumas cidades do extremo-oeste e litoral norte/baixo vale do Itajaí.

 

Vento de oeste a sudoeste/sul da capital ao litoral norte, rajadas ocasionais acima dos 50/70 km, mais da orla para o mar aberto, sudoeste a sul no litoral sul com rajadas ocasionais acima dos 50/70 km, mais da orla para o alto mar. Sudeste/sudoeste a sudeste no interior com rajadas entre 25/45 Km (acima dos 30/50 km no topo da serra). Mar bem agitado (ondas acima dos 4/5 m no alto mar e 2/3 m nas praias de mar grosso com ressaca com potencial de danos nas praias de mar grosso, mais no sul). Ruim para a navegação. Ruim nas atividades ao ar livre nos pomares e lavouras das principais áreas de produção, mais na parte de tratamento, ruim no leste do topo da serra e litoral sul. Risco para os pomares no topo da serra e no setor da bananicultura devido ao risco de rajadas de vento.

QUINTA-FEIRA; Forte baixa pressão (tropical ou subtropical) em frente ao litoral norte do RS, alto mar. Nublado a possíveis aberturas de sol, chuva e períodos de melhoria com sol na serra e litoral sul e áreas próximas, nas demais áreas entre nublado a aberturas de sol e nuvens, pequena chance de chuva isolada caso ocorra no decorrer da tarde. Muitas cidades do oeste, centro e nordeste de SC podem passar sem chuva.

Temperatura mais alta no oeste e nordeste de SC. Mínimas 12/18°C na maior parte do Estado, entre 16/22°C no litoral e boa parte do vale do Itajaí e entre 8/11°C no topo da serra, campos de palmas e serra do Espigão/alto vale do rio do Peixe, máximas entre 24/29°C maior parte SC, 17/20°C no topo da serra/+ de 1200 m e 31/34°C em várias cidades do litoral centro-norte/baixo vale do Itajaí.

 

Vento de oeste a sul no litoral sul, rajadas ocasionais acima dos 30/50 km, bem mais forte no alto mar, oeste/sudoeste a sudeste/nordeste da capital ao norte com rajadas ocasionais acima dos 25/45 km. No interior de oeste/sudoeste a sul/sudeste com rajadas ocasionais acima dos 25/45. Mar bem agitado (ondas acima dos 3/4 m no alto mar e 1,5 a 2,5 m nas praias de mar grosso com ressaca). Ruim para a navegação. Regulara ruim nas atividades ao ar livre nos pomares e lavouras das principais áreas de produção na parte de tratamentos. Ruim no sul de SC.

SEXTA-FEIRA; A baixa pressão se afasta do litoral sul de SC para o alto mar e ar mais seco entra do Estado. Alterna sol e poucas nuvens a intervalos de muitas nuvens a nublado em vários trechos de SC, mais no leste e norte do Estado. Chance de chuva bem isolada de tarde noite, maior parte das cidades passam sem chuva.

 

Temperatura mais baixa ao amanhecer e alta de tarde. Mínimas 12/17°C na maior parte do Estado, entre 16/21°C no litoral e boa parte do vale do Itajaí e entre 7/10°C no topo da serra, máximas entre 26/31°C maior parte SC, 21/24°C no topo da serra/+ de 1200 m e 31/34°C em várias cidades do extremo-oeste, litoral e baixo vale do Itajaí.

 

Vento de noroeste/oeste a sudeste/nordeste no litoral com rajadas ocasionais acima dos 15/35 km. Norte/noroeste a sudoeste/leste no interior com rajadas ocasionais acima dos 15/35 Km.

SÁBADO; Ar mais quente sobre SC, possíveis pontos de instabilidade de tarde. Alterna sol e poucas nuvens a intervalos de muitas nuvens a nublado em vários trechos de SC. Chance de chuva e trovoada bem isolada de tarde/noite, maior parte das cidades passam sem chuva.

 

Temperatura alta de tarde. Mínimas 15/20°C na maior parte do Estado, entre 17/22°C no litoral e boa parte do vale do Itajaí e entre 10/13°C no topo da serra, máximas entre 27/31°C maior parte SC, 21/24°C no topo da serra/+ de 1200 m e 32/35°C em várias cidades do extremo-oeste, litoral e baixo vale do Itajaí.

 

Vento de noroeste/oeste a nordeste/sudeste no litoral, rajadas ocasionais acima dos 15/35 km. Norte/noroeste a sudoeste/nordeste no interior com rajadas ocasionais acima dos 15/35 Km.

Dados de hoje.

 

Extremas de SC registrados ontem. 8/3/2015 e mínimas de hoje, 9/3/2015.

 

MÁXIMA, ONTEM; 22,7°C/ 33,3°C EM ITAPIRANGA/SR.WOLFGANG.

MÁXIMA, HOJE; –°C/ –°C EM —/— .

MÍNIMA ONTEM; 7,2,0°C/ 23,1°C EM B.JARDIM DA SERRA /EPAGRI.

HOJE; 12,1°C/ –°C EM B.JARDIM DA SERRA/M.IGREJA/INMET.

CAPITAL/INMET ONTEM; 20,8°C/ 29,8°C /INMET.

CAPITAL HOJE; 22,5°C/ –°C /INMET.

CAPITAL HOJE; 21,4°C/ –°C /EPAGRI/ITACORUBÍ.

CAPITAL HOJE; 22,3°C/ –°C /EPAGRI/NORTE DA ILHA.

CLIMATERRA/SÃO JOAQUIM ONTEM; 10,5°C/ 24,6°C.

SÃO JOAQUIM/INMET/ONTEM; 11,3°C/ 23,3°C.

CLIMATERRA/SÃO JOAQUIM HOJE; 14,2°C/ –°C.

SÃO JOAQUIM/INMET; 13,9°C/ –°C.

* FORA DA ESTAÇÃO.

 

OBS; EM 2013 FORAM 123 DIAS COM GEADA NA REGIÃO DE S.JOAQUIM, NOVO RECORDE (103 DIAS EM 1999 O ANTERIOR) E 40 DIAS ACIMA DA MÉDIA (83 DIAS/ANO).

 

SÃO JOAQUIM;

 NA TERÇA-FEIRA;

NASCER DO SOL; 06h: 17.

PÔR DO SOL; 18h: 44

 

PREVISÃO DO VERÃO 2014/2015 E OUTONO.

O verão tem sido quente na faixa leste de SC, especialmente no litoral e vale do Itajaí, com desvios entre 1,5 a 3°C acima da média, madrugadas e tarde quentes e muitos dias acima dos 33/36°C foi a marca da primeira parte do verão em SC (dezembro/janeiro), muito abafamento e desconforto no litoral e áreas próximas, do meio do estado ao extremo-oeste ficaram de normal a um pouco acima da média. No topo da serra o verão foi quente, mesmo assim tivemos a formação de 3 geadas fracas e isoladas em dezembro. Extremas deste verão até agora; 41,6°C em Criciúma/Epagri no dia 8/12/2014 e 1,5°C em Urupema/Epagri no dia 6/12/2014.

Na parte da chuva foi frequente e irregular na quantidade, até agora está de normal a bem acima da média em todas as áreas, sem problema algum de estiagem ou falta de chuva nos mananciais em SC, pelo contrário já começa a incomodar pelo excesso. Os gastos com tratamentos em lavouras e pomares estão acima da média.

A segunda parte do verão 2014/2015, fevereiro/março, deverá manter as características da primeira metade, temperatura mais acima da média no leste e normal da serra ao oeste. Ondas fortes de calor ainda devem acontecer em geral de 4 a 8 dias de duração, dificilmente teremos ondas de calor acima dos 8/10 dias de duração. Os extremos continuam com a tendência de serem mais acentuados que o normal e os primeiros frios mais amplos devem acontecer em março, geralmente na segunda quinzena. A geada fica mais restrita ao topo da serra, remota chance fora desta área. Na média, durante o verão climático, dez a março, os extremos em SC, oscilam entre 2/5°C/topo da serra a 38/41°C nas cidades mais quentes, esta é a faixa normal, que já foi batido neste ano.

Em relação a chuva a tendência é se manter a irregularidade no volume e frequente, possíveis períodos de mais dias seguidos sem chuva entre fins de fevereiro e março. Em termos de volume será muito variável, vários pontos bem acima da média e outros na média ou ligeiramente abaixo, no total do verão, acima da média.

Na agricultura o calor e umidade associados manterá o gasto maior que o normal nos tratamentos de lavouras e pomares até o fim da estação (fins de março). Atenção maior com as doenças/pragas do calor. Problemas com a colheita em relação a chuva poderão ocorrer.

Já para no setor do turismo, produtos/vestuário de clima quente, o verão está sendo e continuará bem favorável para as vendas. Para quem quiser fugir do calor e agitação das praias, o topo da serra será o ideal, calor de tarde e frio de madrugada/amanhecer.

Em termos de veraneio/clima, foi bem favorável em dezembro e janeiro e está sendo menos favorável em fevereiro (está tendo mais dias nublado com períodos de chuva nas praias), água do mar ainda quente, acima da média, até o fim do verão, exige atenção quanto a possível formação de sistemas tropicais sobre o oceano.

O outono deve começar dentro do normal, meados a fins de março no topo da serra e começo de abril na maior parte do Estado, tende a ter um outono mais úmido e com temperatura dentro do normal na média e com extremos mais acentuados. As primeiras geadas mais amplas, acima dos 700/900 m já podem aparecer entre a segunda quinzena de abril/primeira de maio.

http://twitter.com/climaterra

https://www.facebook.com/pages/Climaterra-Meteorologia-e-Agronomia/619930311412125

 

Ronaldo Coutinho/Agrônomo

Bruno Maon Fernandes/Meteorologista.

8 COMENTÁRIOS

  1. Ola coutinho ,tudo bem com vc…aqui em sombrio sc o pessoal ta comentando muito que na proxima quinta dia 12 vai dar um ciclone.Estamos apavorados o que vc nos diz a respeito…..OBRIGADA PELA SUA ATENÇAO …..ABRAÇOS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.