32 anos da grande Nevasca de 1988

O dia de 5 de junho é praticamente um dia histórico para a cidade de São Joaquim e também para Serra Catarinense, foi justamente nesse dia que a serra presenciou uma de suas maiores nevascas dos últimos tempos em 1988.

Ronaldo Coutinho do Climaterra, estava deslocando pela Serra Catarinense e conseguiu fazer alguns registros entre o mundo novo e a Serra do Rio do Rastro, ele ficou preso na estrada por conta da forte nevasca.

De acordo com Coutinho a neve ultrapassou em alguns lugares mais de um metro e meio provocado pelas forças do vento.

Em São Joaquim chegou a nevar cerca de 20 a 30 cm em pleno centro da cidade, isso proporcionou uma das fotos mais icônicas já conhecida na São Joaquim até hoje feitas pelo famoso fotógrafo Totó Godoy (a foto que ilustra a manchete desta notícia).

Na Serra do Rio do Rastro o registro fica por conta agrônomo Ronaldo Coutinho que mostra toda densidade do Branco provocado pela Neve:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.