in

FAESC capacita Sindicatos Rurais em regularidade sindical e eSocial

Com o objetivo de capacitar os assistentes administrativos e dirigentes dos Sindicatos Rurais de Santa Catarina no Sistema de Gestão Sindical (SG-Sind), a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (FAESC) em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), promove nessa semana o treinamento FAESC – Adm Sindicatos Rurais – Regularidade sindical e eSocial. A capacitação ocorre no Slaviero Hotéis em Florianópolis e reúne representantes de 37 sindicatos.

O presidente da Faesc, José Zeferino Pedrozo, participou da abertura do treinamento

O SG-Sind consiste em uma plataforma operacional online elaborada para ajudar os Sindicatos Rurais na organização de suas atividades diárias e na manutenção e acompanhamento da regularidade sindical. O presidente da FAESC José Zeferino Pedrozo explica que a ferramenta auxilia no controle de associados, no processo eleitoral, na padronização dos documentos gerados diretamente no sistema, tais como atas, editais e listas. “É uma importante plataforma para alimentar e conservar o histórico de mandatos anteriores, além de manter cadastro de associados e disponibilizar manuais, legislações vigentes e sites relacionados com as atividades de regularização sindical, para consulta”, complementa.

Curso reuniu profissionais de 37 Sindicatos Rurais do Estado

A plataforma também moderniza o acesso às informações e documentos dos sindicatos e de seus associados e disponibiliza e fornece relatórios para melhor gestão. Os profissionais também receberam informações pertinentes à legislação vigente sobre o processo eleitoral, organização de documentos e obrigações das entidades sindicais e sobre o e-Social para produtores rurais.

O eSocial, instrumento de unificação da prestação das informações referentes à escrituração das obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, também está sendo abordado. Ele tem por finalidade padronizar sua transmissão, validação, armazenamento e distribuição, constituindo um ambiente nacional. Serão obrigados a usar o sistema do eSocial, todos os contribuintes urbanos e rurais, englobando, assim, todos os produtores rurais pessoas físicas (contribuinte individual e segurado especial) produtores rurais pessoas jurídicas, agroindústrias, empresas prestadoras de serviços rurais e adquirentes de produção rural.

O assessor jurídico da CNA, Frederico Toledo Melo, falou sobre questões do eSocial

O assessor técnico do Departamento Sindical da CNA, Evandson Silva de Deus, ministrou sobre o tema regularidade sindical e as questões do eSocial foram ministrados pelo assessor jurídico da CNA, Frederico Toledo Melo, e pelos auditores da Receita Federal, Eduardo TanakaMarcos Antônio da Silva e Luís Cláudio Maciel Tinoco.

 “O Sistema Sindical Rural é protagonista do setor produtivo que representa importante pilar de sustentação da economia brasileira, precisamos estar preparados para entender e nos adequarmos às novas regras tendo em vista a obrigatoriedade de envio das informações do eSocial de segurado especial e pequeno produtor rural”, reforça o presidente.

Auditor da Receita Federal, Eduardo Tanaka, também ministrou sobre o eSocial durante o treinamento

SINDICATOS

Participaram dos treinamentos os Sindicatos Rurais de: Agrolândia, Alfredo Wagner, Araranguá, Bom Retiro, Braço do Norte, Campo Alegre, Canoinhas, Florianópolis, Ilhota, Irineópolis, Itaiópolis, Ituporanga, Jacinto Machado, Jaguaruna, Joinville, Lages, Mafra, Major Vieira, Massaranduba, Monte Castelo, Nova Veneza, Otacílio Costa, Ponte Alta, Papanduva, Pouso Redondo, Rio do Oeste, Rio do Sul, Rio Negrinho, São José, Santa Cecília, São Joaquim, São José do Cerrito, São Martinho, Tubarão, Turvo, Urubici e Vidal Ramos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Ministro do Turismo recebe baixo-assinado que pede a construção da Ponte das Goiabeiras na Rota Caminhos da Neve

Serra Catarinense será apresentada para agentes de viagens de Brasília