Maçã “rapa de colheita” afeta o preço da fruta

Ao longo do mês de maio, as últimas colheitas de maçã fuji estão ocorrendo em São Joaquim (SC), disponibilizando um grande volume de frutas de “rapa de colheita” no mercado – essas são caracterizadas pela qualidade inferior. Como resultado, isso interferiu no comércio, uma vez que, na tentativa de escoar essas maçãs, muitos dos pequenos produtores optaram por vendê-las a cotações extremamente baixas (praticamente ao valor de custo).

Assim, nesta semana (20 a 25/05), o preço médio da fuji miúda Cat 3 em São Joaquim (SC) foi de R$ 28/cx de 18 kg, queda de 13% frente à anterior. Para os próximos dias, produtores receiam que chuvas nas lavouras possam dificultar as últimas colheitas – atraso que poderia prolongar a permanência dessas maçãs de qualidade inferior no mercado, o que somado à menor demanda do fim de mês, refletiria em preços ainda menores do que o observado nesta semana.

Informações no site www.hfbrasil.org.br

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.