A tradição da sapecada de pinhões é mantida viva pelo povo Serrano

Divulgação

É tempo de colheita de pinhão neste mês de abril e um costume que está cada vez mais forte, onde as famílias e amigos se reúnem, no campo, em volta de uma fogueira para se deliciarem com o pinhão em um ritual de celebração.

Veja o Vídeo:

A sapecada de pinhões, herança dos tropeiros, é uma tradição que passa de geração a geração, muito comum na região Sul do Brasil. Juntam-se ramos secos da própria planta – chamados de grimpa ou sapeque – de modo a formar uma fogueira. Sobre essa fogueira colocam-se os pinhões e ateia-se fogo.

Como a grimpa pega fogo com muita facilidade, em menos de cinco minutos tudo está queimado. Com auxílio de uma forquilha abafa-se o restante do fogo, que permanece queimando os galhos mais grossos e retiram-se os pinhões.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.