in

Família de venezuelanos refugiados em São Joaquim necessita de ajuda humanitária

A Família de Luís Rafael Oliveiros saiu da Venezuela fugindo da crise econômica e política que o país atravessa em busca de melhores condições de vida em outros países da América Latina, especialmente no Brasil, onde a família se instalou, pós fronteira, na tentativa de reconstruir o que perderam no regime de Nicola Maduro diante da mais a profunda crise política da Venezuela.

Luís Rafael Oliveiros, atravessou a fronteira, até Roraima, juntamente com a família e levou quatro dias navegando de barco pela maior bacia hidrográfica do mundo na amazônia até chegar em Manaus. Ele contou que pesquisou pelo Google qual era a melhor cidade do Brasil para se viver e a gigante das buscas na internet apontou que Florianópolis, em Santa Catarina era a melhor cidade para se viver em todo o Brasil. E ai começou a saga da família Oliveiros em busca do melhor destino e das melhores condições.

Venezuelanos recebendo o apoio do Padre Victor da Igreja Católica

Em Florianópolis ficaram no terminal rodoviário em busca de emprego, mas foram informados que somente a Serra Catarinense teria uma grande quantidade de empregadores por conta da safra da maçã. Luis Rafael vendeu seu celular e a sua esposa Maria vendeu uma prancha de cabelos para poder pagar o transporte da família até São Joaquim.

Católicos fervorosos, a família Oliveiros procurou de imediato a igreja católica e participaram, inclusive da missa. Eles obtiveram o auxílio do Padre Victor e também da Assistência Social de São Joaquim que lhe providenciaram (de forma temporária) um alojamento em uma pousada.

O Casal precisa urgentemente de trabalho, de uma casa, de móveis e também roupas já que não trouxeram nenhuma roupa quente para suportar o inverno rigoroso de São Joaquim e a forte frente fria que se aproximo na próxima semana e que poderá derrubar as temperatura a próximo de zero.

O importante para eles é manter a família unida, mesmo diante da crise e da necessidade…

Luis Rafael Oliveiros tem 32 anos e está no Brasil com sua esposa Marina Silva, também de 32 anos, com a sua irmã Mariana Castanho de 17 e seus filhos Lue Rafael Oliveiros de 6 e pequena Amella Sofia Silva Tano de apenas 1 ano.

“Sempre fomos uma família e passamos por uma forte crise, nunca desistimos, havia a possibilidade de nos separarmos para poder sobreviver, mas decidimos ficarmos juntos como uma família, só precisamos de ajuda neste momento de nossas vidas e esperamos a ajuda humanitária das pessoas aqui em São Joaquim” Revelou Luiz Oliveiros

 

O que família está precisando?

  • Empregos
  • Fogão à lenha
  • Botijão de gás
  • Fogão a gás
  • Geladeira
  • Mesa Com Cadeiras
  • Televisão
  • Pia pequena
  • Panelas
  • Pratos
  • Talheres
  • Copos
  • Bule
  • Chaleira
  • Garrafa Térmica
  • Cama de Casal
  • Colchão de Casal
  • Cama de Solteiro
  • Colchão de Solteiro
  • Berço
  • Colchão Berço
  • Cobertores
  • Cobertas
  • Comodas
  • Roupas de Cama
  • Roupas Quentes para crianças e adultos

As doações podem ser entregues na Pousada Alternativa no Bairro Subestação ou na Secretaria Paroquial ou através do fone 3233.0015 ou pelo whatsapp 9.9157.6299

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

PREVISÃO DO TEMPO PARA OS DIAS 9 E 10 DE MAIO DE 2019.

Série sobre F1 vai mostrar lado humano dos pilotos