in

Série sobre F1 vai mostrar lado humano dos pilotos

A Netflix está sempre investindo e apostando em séries com os mais diversos temas e diferentes propostas. Recentemente, o show de maior destaque do serviço de streaming foi “Você”, uma série de drama e suspense. Mas justamente com o objetivo de atrair e agradar um público heterogêneo, a companhia também foca em séries e documentários com temáticas diferentes.

De uma maneira geral, o esporte é um tema que garante o sucesso quase sempre. A série “Sunderland até morrer”, por exemplo, tem como foco o Sunderland, equipe do futebol inglês na sua luta para voltar à elite do campeonato. A Fórmula 1, principal categoria automobilística do mundo também é o tema de algumas séries do serviço de streaming. E a mais recente adição à biblioteca da Netflix são os dez episódios da série chamada “F1: Dirigir para Viver”.

As dificuldades da categoria

A Fórmula 1 é conhecida por ter um público composto por pessoas mais velhas e é exatamente por isso que é tão importante pensar na renovação dos fãs. A Codemasters tem uma parceria com a F1 para produção do game oficial da categoria. O jogo é sempre um sucesso e é certamente um dos grandes trunfos na atração de jovens olhos para o esporte. Mas um jogo de video-game não pode ser a única carta na manga, e é aí que o documentário entra como mais uma maneira de renovar o público.

Ter um público mais jovem também pode ajudar a Liberty Media, empresa responsável pela Fórmula 1, a valorizar e monetizar o esporte. Recentemente, por exemplo, a empresa assinou um contrato de US$ 100 milhões com uma empresa de apostas. Os fãs, sobretudo os mais antigos, não gostaram muito da parceria feita. Mas, a contrapartida financeira ajudará muito o esporte, afinal de contas, as equipes receberão parte deste valor no fim do campeonato em forma de premiação. E, com mais dinheiro, é possível desenvolver carros mais rápidos e eficientes, é um efeito em cadeia e a primeira peça do dominó é o recurso financeiro.

Graças à esta parceria, quem assiste a categoria, poderá ver alguns anúncios de sites de apostas ao longo das corridas. Como assistimos à transmissão brasileira, é possível que não vejamos estes anúncios, tudo depende do contrato firmado entre a Globo/SporTV e a Liberty Media. Mas, não se preocupe, você não precisa obrigatoriamente primeiro ver a propaganda durante as transmissões para jogar e arriscar algum palpite no vencedor do torneio ou de um GP específico. Você pode consultar aqui, por exemplo, os melhores bônus de sites de apostas e tentar a sorte durante todas as 21 corridas do calendário da Fórmula 1.

 

Série tem recepção positiva

Sites especializados em Fórmula 1 vem escrevendo reviews positivos sobre a série e o público em geral tem tido uma reação muito positiva. E não é para menos: a série conta com cenas e diálogos exclusivos e inéditos. Além disso, o foco não é tanto no esporte e nas corridas, na maior parte dos episódios o foco está nas pessoas e no peso das decisões que elas tomam.

Isso significa que você não verá as ultrapassagens de Verstappen de vários ângulos diferentes, não existirá uma análise técnica dos erros cometidos por Vettel ao longo da temporada. Porém, você acompanhará de perto como a Force India (atual Racing Point) passou pelo drama vivido pelo seu ex-dono o Vijay Mallya e as autoridades Indianas. Também será possível ver todo o peso e as consequências da decisão de Ricciardo ao se mudar para a Renault, equipe francesa bicampeã. Aliás, por falar em lado humano dos pilotos, aqui no site, fizemos uma entrevista com Sergio Jimenez, que conta detalhes de sua carreira na Stock Car.

Por fim, é válido notar que a série não foca no calor da disputa entre a Ferrari de Vettel e a Mercedes de Hamilton. O motivo é contratual, mas a verdade é que talvez tenha sido melhor assim. Todos os fãs do esporte tiveram contato com as emoções da disputa ao longo da temporada, afinal de contas isso foi o foco da mídia especializada. Ao mostrar o pelotão intermediário, os produtores da série conseguem trazer conteúdo inédito e de alta qualidade com muito mais facilidade.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Família de venezuelanos refugiados em São Joaquim necessita de ajuda humanitária

Projeto de Lei da Deputada Catarinense Geovania de Sá é aprovado no Senado