Defesa agropecuária terá reforço com nomeação de 44 médicos veterinários

Candidatos aprovados em concurso para médico veterinário se apresentaram na sede da Cidasc em Florianópolis nesta segunda-feira para manifestar interesse pelas 44 vagas em aberto para diversos pontos do Estado. A escolha das vagas foi feita seguindo a ordem de classificação no concurso e todas foram preenchidas. 

“Estas nomeações são a concretização de um necessidade não só da Cidasc, mas do agronegócio catarinense, cujo crescimento precisa ser acompanhado pela defesa agropecuária”, afirma o presidente da Cidasc, Junior Kunz. Ele salienta que o reforço na equipe de profissionais é o cumprimento do compromisso do Governo do Estado com o setor, mantendo o status sanitário diferenciado

A última convocação de médicos veterinários ocorreu em 2019 e foi menos numerosa que a atual.  Para o diretor de Defesa Agropecuária, Diego Torres Severo, a contratação de 44 profissionais é muito importante para a defesa sanitária e para a inspeção sanitária em Santa Catarina. 

“Eles vêm a somar em municípios que estavam com carência de médicos veterinários.  Algumas regionais terão um acréscimo grande, como as da região oeste do estado e as da região litorânea, onde há bastante demanda das agroindústrias interessadas em aderir ao Serviço de Inspeção Estadual (SIE) e ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI)”, conta o diretor. 

Os chamados a assumir o cargo, o clima era de bastante alegria. Uma das concursadas, Patricia Baldino Moreira, tinha o desejo de trabalhar com defesa e inspeção sanitária pela importância social da atividade. “No Rio de Janeiro, de onde venho, nunca foi feito concurso para defesa agropecuária desde que me formei, em 2007. Eu escolhi Santa Catarina porque eu amo o estado e por ser o melhor sistema de defesa do Brasil, um exemplo, e eu quero fazer parte”, afirma a médica veterinária, que atuará na região de Concórdia. 

Com as contratações, o quadro de veterinários da Cidasc terá um incremento de 20%. Nesta segunda-feira, os nomeados entregaram a documentação e passaram pelo exame médico admissional. Eles devem se apresentar na região para a qual foram designados no final deste mês. 

Por
Denise De Rocchi
Assessoria de Comunicação – Cidasc

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.