in

Passagens aéreas caras e turismo rodoviário em alta

A retração econômica do país, aliada ao aumento do custo das passagens aéreas e à cobrança por bagagem e marcação de assentos aumentaram em 12% a procura por viagens interestaduais de ônibus, segundo a Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros (Abrati) – e trouxeram à tona a revalorização do turismo rodoviário. Foi um dos assuntos tratados pelo secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Ministério do Turismo, Aluizer Malab, durante encontro da Associação Brasileira de Operadores de Turismo (Braztoa) na última semana. Malab falou da intenção do governo de superar entraves legais que hoje impedem o turismo com “stopovers”, nos moldes do turismo rodoviário europeu. Nesse modelo, o turista tem liberdade para embarcar e desembarcar em cada um dos destinos de um roteiro, e escolher quanto tempo vai ficar. “Somos um país essencialmente rodoviário”, ressaltou Malab.

Rogério Siqueira – CEO Parque Beto Carrero World.

O presidente do Conselho Estadual de Turismo de SC, Rogério Siqueira, é um dos líderes desse movimento. Segundo ele, há potencial para atingir 40 milhões de viajantes com rotas turísticas – e Santa Catarina tem espaço para crescer. O assunto será um dos temas tratados esta semana durante o 9º Encontro Estadual de Empresas de Transporte Turístico e Fretamento de Santa Catarina, o Aettusc, que começa na sexta-feira em Jaraguá do Sul. Há exemplos em outros estados: no Paraná, o sindicato dos hoteleiros de Foz do Iguaçu lançou uma campanha para bancar o pedágio dos ônibus para incentivar o turismo rodoviário.

A alternativa rodoviária aparece num momento em que o cenário econômico não mexe apenas diretamente no bolso do turista, mas também interfere na oferta de linhas aéreas – mesmo para quem pode investir mais. O Aeroporto de Navegantes, por exemplo, embora venha batendo recordes de movimentação, perdeu a rota para Buenos Aires este ano e não conseguiu emplacar a linha para Foz do Iguaçu. As operadoras de turismo estão apostando em novos produtos para o turismo rodoviário. No feriadão de Corpus Christi, um dos diretores da operadora CVC, Claiton Armelin, testou com a família a rota que traz turistas de São Paulo para a experiência Bolshoi – Beto Carrero. O roteiro inclui paradas em Joinville, para uma imersão na escola de ballet, em Penha, no maior parque temático da América Latina, e em Curitiba (PR).

 

One Comment

Leave a Reply

One Ping

  1. Pingback:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Os destinos nacionais e internacionais mais procurados nas agências de viagem para as férias de julho

As 20 melhores cidades do mundo para pedalar