in

Subseção da OAB de São Joaquim comemora 39 anos de criação

Um evento que ocorreu na noite desta última sexta-feira (10), no salão de eventos do São Joaquim Park Hotel, marcou a comemoração pela passagem dos 39 anos de criação da Subseção de São Joaquim. A Confraternização teve a presença de diversos advogados da ordem, música ao vivo com cantor Douglas Porto, vinhos finos de altitude e um cardápio escolhido de forma especial para a noite.

Durante o evento a advogada Sarita Nunes, a presidente da subseção de São Joaquim destacou a verdadeira importância de um advogado na sociedade atual e o decano da noite o advogado Ivanildo Castello de Barros fez um breve um histórico da criação da Subseção no território joaquinense.

Vejas as imagens:

 

Breve histórico da criação da  Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil nesta comarca

Em abril de 1.975 os advogados que militavam na Comarca de São Joaquim requereram à Seccional a criação de urna Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil nesta comarca. Aproveitaram-se do momento em que era presidente do Conselho Seccional da OAB o Dr. Teimo Vieira Ribeiro, nascido em São Joaquim e extremamente ligado à nossa terra e nossa gente. A reivindicação, contudo. esbarrou no óbice do número de advogados que não preenchia O mínimo de quinze exigido pelo artigo 4°., § 4° da Lei 4215.

Diante disso resolveram fundar por primeiro a Associação Joaquinense de Advogados — AJA, o que foi feito em Assembleia Geral de 5 de setembro de 1.975 A primeira Diretoria ficou assim constituída: Presidente Ivanildo Tadeu Castello de Barros. Secretario – Rogério Oliveira Guimarães. Tesoureiro — Antonio Hugen Nunes. Assinaram a Ata como sócios fundadores, esses e mais os seguintes advogados: Prudente Cândido Silva Filho, Hélvio Borges Ferreira, Flávio Rodrigues Martins, Rogério Vieira, Paschoal Apóstolo e Salézio Ribeiro Martins. Os Estatutos encontram-se registrados no Cartório de Títulos e Documentos desta Comarca sob n. 66, fls.08 do Livro A-02

A tramitação do requerimento aguardava na Seccional que o numero de advogados atingisse o mínimo legal e em 8 de agosto de 1978 o Relator da Comissão de Estudos Legislativos Dr. Dante de Pana exarou parecer favorável à pretensão, adotado em 4 de maio de 1979 pelo Dr. Paulo Henrique Blasi, presidente da Comissão. Comparece aos autos a Associação Joaquinense de Advogados insistindo no pleito. O então presidente, Dr. Sadi Lima nomeou relator do processo junto ao Conselho Seccional o Conselheiro Dr. Nicolau Apóstolo Pitsica, que advogara por alguns anos em São Joaquim. Este em 16 de julho de 1979 apresenta parecer favorável, aprovado a unanimidade pelo Conselho Seccional na Reunião Extraordinária de 31 de julho de 1979.

Presente à Sessão o Dr. Prudente Cândido Silva filho, presidente da Associação Joaquinense de Advogados agradeceu o Conselho, dizendo que “com satisfação levava para os 1.360 metros de altitude, onde se encontra localizada a Comarca de São Joaquim, a notícia quente de que havia presenciado os atos de criação da nova Subseção” . Em decorrência foi expedida a Resolução 08/79, datada de 1° de agosto de 1979, que criou a Subseção de São Joaquim, a 11″ primeira do Estado, abrangendo as Comarcas de Urubici e Bom Retiro, A festiva instalação da Subseção deu-se com a presença da quase unanimidade do Conselho Seccional em São Joaquim, ocasião em que foi eleita a primeira diretoria, assim constituída: Presidente –Antonio Hugen Nunes. Vice-Presidente – Flávio Rodrigues Martins. Secretário Geral – Nídia Maria Albino de Bem. Tesoureiro – Ivanildo Tadeu Castello de Barros.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Traficante atira em policial e morre durante confronto em operação da PM

A todos os pais, um Feliz Dia dos Pais! Homenagem especial