Idoso é abandonado pelo filho em rodoviária de SC na noite deste sábado; estou triste de mais, por jamais esperar que algo semelhante pudesse acontecer comigo, disse o idoso

Um idoso de 63 anos, foi largado à própria sorte na rodoviária de Tijucas.

Segundo informações do “Jornal Razão”, a redação do Jornal foi acionada por populares que presenciaram uma cena perturbadora nas imediações da rodoviária.

“Eu, pra ser bem sincero, estou triste de mais, por jamais esperar que algo semelhante pudesse acontecer comigo. Meu filho buscou-me na casa de minha filha, em Itajaí, trouxe-me até a rodoviária de Tijucas com alguns pertences e me largou aqui, com R$ 40,00. Não me deu nenhuma explicação, só me mandou descer do carro”, conta Gilmar.

O idoso disse que na hora não teve reação, apenas o choque por conta do abandono.

Conversando com a equipe do Jonal, Gilmar se emocionou e disse que sua vontade era de cometer suicídio.

Diante da situação, foi acionada a Polícia Militar e a Assistência Social de Tijucas, que prontamente atenderam à ocorrência.

Os assistentes sociais decidiram levar o idoso até a residência de seu filho, em Blumenau.

Segundo a PM, caso ele se recuse a abrigar o pai, poderá receber voz de prisão pelo crime de abandono de incapaz.

Atualização:

POLÍCIA PRENDE FILHO QUE ABANDONOU IDOSO NA RODOVIÁRIA DE TIJUCAS

Filho continuou negando abrigo para o pai e foi preso pela PM

A Polícia Militar prendeu o filho que abandonou o pai idoso na rodoviária de Tijucas. A prisão ocorreu após o homem se negar a abrigar seu pai em casa.

Ele foi preso por abandono de incapaz e só poderá ser liberado após pagamento de fiança, cujo valor é alto. Gilmar Duarte da Silva, de 63 anos, de Blumenau, foi deixado pelo filho durante a noite de sábado (27), na rodoviária de Tijucas, com alguns pertences e R$ 40,00.

Diante da situação, a Assistência Social foi acionada. Eles levaram o idoso até a casa do filho, que ao continuar negando que abrigaria o pai acabou preso.

“Ele e a esposa se recusaram em cuidar dele, então foi chamado a polícia. A polícia deu voz de prisão por abandono, acompanhando todo protocolo. Retornaram à Tijucas somente agora, cerca de 10h da manhã de domingo”, relatou Bianca Machado, Secretária de Assistência Social de Tijucas, ao Jornal Razão. Por conta do caso, Gilmar foi encaminhado para um abrigo provisório.

Natural de Blumenau, Gilmar atuou em Tijucas como professor de tênis para crianças entre 8 a 14 anos, na Escolinha Municipal de Tênis, que funcionava nas quadras de tênis do Jardim Porto Belo, no Centro da cidade.

Na época em que o projeto estava em atividade, era um orgulho para a cidade, pois Tijucas era o único município de Santa Catarina que oferecia aulas gratuitas para crianças. Gilmar chegou a revelar campeões, verdadeiros talentos do município, como Leonardo Schmitz Frederico, que atualmente é tenista na McKendree University.

Fonte: Jornal Razão/ Lorran François Barentin

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.