‘Chuva’ de 200 pássaros mortos misteriosamente atinge pessoas na Espanha

A rua Alcalde Quintanilla Martínez, na cidade espanhola de Ferrol, foi tomada por cadáveres de passarinhos e se transformou em um cenário desolador. Segundo a imprensa local, cerca de 200 estorninhos caíram repentinamente do céu até se chocarem com transeuntes e carros espalhados nas redondezas de um hospital, na sexta-feira (26).

“Mais de mil voaram pelas torres e um grupo de cerca de 200 veio em direção às casas, perto do hospital, e começaram a cair em cima de nós, tanto em mim como em outra garota que descia a rua. Ficamos estarrecidos”, contou uma das testemunhas do fenômeno, identificada apenas como José, ao jornal La Voz de Galicia.

A causa da morte do grupo de pássaros ainda não foi esclarecida, mas veterinários da Junta da Galícia estão realizando a necropsia dos animais em busca de uma resposta. Até o momento, eles descartaram as hipóteses de eletrocussão e gripe aviária, duas suspeitas bastante defendidas após o acontecimento.

Um relatório prévio constatou lesões hemorrágicas na região intratorácica, na laringe e na região carnioencefálica, que afetam o coração, o sistema respiratório e o cérebro. Segundo os especialistas, essas lesões não estão relacionadas a infecções virais, bacterianas ou parasitárias.

A possibilidade com a qual os veterinários trabalham no momento é a de intoxicação, mas os resultados da pesquisa ainda não foram produzidos. Também há a hipótese de que os estorninhos teriam colidido entre eles. Esse tipo de pássaro é conhecido pelo voo em grupos sincronizados.

No início deste ano, em Tarragona, outra cidade espanhola, ocorreu algo parecido, quando centenas de pássaros caíram do céu. Neste caso, foi constatado que os animais morreram por causa de produtos químicos tóxicos liberados por uma petroquímica da região.

Fonte Uol

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.