SC tem todas as regiões em risco gravíssimo para o coronavírus pela primeira vez

Um fim do ano em Santa Catarina em situação muito delicada, pois todas as regiões de Santa Catarina estão em risco gravíssimo para o coronavírus. Segundo o novo mapa de risco, divulgado pelo governo na manhã desta quarta-feira (23), as 16 regiões estão no nível mais alto da escala utilizada pelo governo para o novo vírus. É a primeira vez que esse cenário é visto no estado desde o início da pandemia.

Na última atualização, na quarta-feira (18), Xanxerê era a única regional que aparecia sob risco grave (cor laranja). O nível é calculado a partir da combinação de fatores como transmissibilidade do vírus, leitos vagos e aumento de casos ativos da Covid-19.

O cenário vermelho é divulgado três dias após o governo de Santa Catarina permitir que cinemas, eventos com público e congressos sejam permitidos no estado. O decreto do governo estadual, divulgado na sexta-feira (18), traz regras para reabertura em meio à alta de casos de Covid-19.

Pandemia em expansão

Santa Catarina passou de 4,8 mil mortes por Covid-19, segundo o boletim do governo do estado divulgado no final de terça-feira (22). Desde o início da pandemia, foram 468.403 casos confirmados, com 4.836 óbitos.

A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede pública no estado caiu para 84,75%. Se forem levados em conta apenas os leitos para adultos, esse percentual chega a 88,01%.

Nesta terça, a Justiça determinou que o governo de Santa Catarina retome um grau anterior de restrições em relação ao funcionamento de hotéis e pousadas, casas noturnas, cinemas e teatros e eventos sociais. Segundo a Justiça, as flexibilizações recentes não têm “motivação técnico-científica”.

Dimensões de risco

Segundo Coes, houve a nova classificação também traz mudanças nas notas das regiões referente às quatro dimensões que atualizam a situação do coronavírus. O resultado dos pontos faz com que as regiões mudem de cor no mapa.

Com informações G1

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.