Moll Flanders – Por Henrique Córdova

O clássico do inglês Daniel Defoe contém a história de Betty, filha de presidiária de Newgate, que foi deportada para a América do Norte. Betty, que não conheceu o pai e nem a mãe, foi acolhida por uma família rica, com quem viveu ao alcance dos olhos de dois jovens irmãos e das atenções de uma moça, prestando serviços domésticos. Bela, quando crescida, despertou a paixão do filho mais velho da família; por ele foi seduzida e corrompida pelo dinheiro, que recebia por sessões sexuais.

Casou-se com o mais novo dos irmãos , por conveniência do mais velho e pela perspectiva de grande renda futura. Logo ficou viúva ; teve mais quatro casamentos, sendo um com um irmão desconhecido, que vivia na América, onde era forte agricultor. Ao saber da verdade, voltou para a Inglaterra, onde, entre amantes e casamentos, viveu aventuras incríveis, sempre atrás de dinheiro e de bens, que lhe davam a segurança de que era ávida. Tornou-se ladra, foi presidiária de Newgate, como sua mãe e, como ela, pelas gestões de um sacerdote, teve a pena de morte comutada pela de deportação para a América, onde, com seu último marido, também ladrão e presidiário deportado, fez fortuna . Voltou para a Inglaterra, onde viveu na abastança.

O notável em Mol, nome de guerra que Betty adotou, era a coragem com que enfrentava todos os obstáculos e a convicção que tinha de poder vence-los. Costumava dizer que alguém, ao reclamar do peso a carregar, o multiplicava por dois. Essa sua coragem, somada a tão forte convicção, subverteu a moral romântica, segundo a qual o bem sempre suplanta o mal e o malfeitor termina sempre punido. O mal que Moll praticou foi premiado com a fortuna. Sua narrativa teve um final feliz. Ao invés de ser punida por seus furtos com a miséria e a segregação social, foi premiada pela fortuna , pela força de suas convicções e de sua coragem.

A obra de Daniel Defoe, plena de sugestões, de cenas magistralmente pintadas e de fluidez inexcedível, meu pai a colocou sobre os pedestais da coragem determinada e das convicções de Moll Flanders.

Nenhuma outra marca sua encontrei no livro.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.